Formacco Cezarium Edificações

Construção Civil

(3 opiniões)

Endereço: Rua Alm Lamego, 927 - Florianopolis, SC

Telefone: (48) 30272140

Construção Civil próximas:

Esteiner Incorporação e Representação Ltda
Rua Jerônimo Coelho, 383
Florianopolis, SC

Roth Construções Ltda
Rua Francisco Tolentino, 800 ap 1101
Florianopolis, SC

Castor Construtora e Incorporadora
Av Trompowsky, 165
Florianopolis, SC

Opiniões sobre Formacco Cezarium Edificações (3)

3 opiniões sobre Formacco Cezarium Edificações Nota 1 de 5

Urian

Prezados,
Sou um dos primeiros moradores do Residencial Villa Doratta no Bairro Abraão - Florianópolis, o empreendimento foi entregue em 2013, porém apesar de um pouco mais 2 anos a aparência já é de 20 anos, são inúmeros os problemas na construção, sito aqui os principais:
- Todo gesso da área comum do empreendimento está com problema de mofo, infiltrações e em alguns pontos está caindo;
- Os muros e paredes externas estão com infiltrações, em vários pontos o reboco esta se soltando;
- O chão da área comum anexa à sacada do 1° andar foi entregue sem acabamento de piso cerâmico;
- Pintura externa se soltando;
- Piso da academia com infiltração e se soltando;
- Na área interna dos apartamentos, vários já apresentaram e ainda estão com algum tipo de problema: piso nicado, rachaduras, infiltrações, reboco solto, nas coberturas piscina descascando, churrasqueiras com problema de retorno de fumaça, etc.. Cito meu apartamento como exemplo, já foi todo ?remendado?.
Sem contar que a construtora Formacco e empresa Unil Imóveis (responsável por vender o empreendimento), assegurou que uma área externa nos fundos do residencial seria limpo e executado um paisagismo, no entanto até hoje quase 3 anos e nada, no local só mato e depósito de lixo. A esse respeito já escutei todo tipo de desculpa!
Reclamo aqui do descaso da construtora e morosidade nas ações apresentadas até hoje, a sensação minha e de vários moradores é de indignação, não pagamos barato por um imóvel que prometia ser de bom padrão, contudo a realidade é outra.
Espero que a Formacco não só se pronuncie, mas que tome as devidas ações em respeito aos seus clientes, o pretexto de que as medidas estão sendo tomadas em comum acordo com o síndico é mentira e enrolação, já escuto essa desculpa a mais de 2 anos e nada, a garantia está acabando e gostaríamos de uma solução urgente!!!

RENATO DOS SANTOS MELLO

No início de 2014, adquiri da Formacco Cezarium
Engenharia/construção um apartamento novo de cobertura, situado no condomínio Porto Venere (apto. 303 Bloco D). Como tenho problemas de saúde e idade avançada (75 anos), por orientação médica estou impedido de utilizar as escadas para acessar meu apartamento. Deste modo, dependo do único elevador do prédio, de marca OTIS para acessar meu apartamento. Há menos de 10 dias o citado elevador, mais uma vez, parou de funcionar. Como conseqüência eu fiquei cinco (5) dias prisioneiro em meu próprio apartamento, impedido de sair para comprar alimentos e alguns dos medicamentos de uso contínuo que necessito. De acordo com empresa que faz manutenção dos elevadores (a própria Otis), a pane foi resultante de uma infiltração oriunda de defeitos de construção, cuja responsabilidade é da Construtora FORMACCO Cezarium. Após a troca das peças danificadas o elevador voltou a funcionar. Esclareço que telefonei para o senhor Guilherme da Formacco e relatei o problema. Este me afirmou que o responsável pelo dano era o condomínio, pois não cerrava as portinholas situadas no telhado acima do elevador. Entretanto os fatos descritos a seguir mostram claramente que o senhor Guilherme não tem, e nem se preocupou em tomar conhecimento real dos problemas.
Ontem, dia 13 de fevereiro, após as fortes chuvas, o elevador parou novamente de funcionar. Hoje pela manhã, dia 14 de fevereiro, técnicos da OTIS examinaram mais uma vez o nosso elevador e verificaram que a máquina encontrava-se totalmente encharcada pela água da chuva, que infiltrava devido a erros na construção realizados pela Formacco Cezarium Engenharia/construção. Um funcionário da citada construtora, senhor Flávio, que se encontrava presente na ocasião não informou quando o defeito seria sanado. Apenas afirmou, na frente de várias testemunhas, que eu poderia mudar, temporariamente, para um hotel, pois a FORMACCO arcaria com as despesas. No entanto, no final da mesma tarde, fui informado pela síndica, que o senhor Flávio havia retirado a autorização.
Desta forma me encontro em cárcere privado, pois não tenho condições de sair, e principalmente voltar ao meu apartamento utilizando as escadas. Além do mais, estou hospedando um casal de idosos (84 anos) portadores de problemas coronarianos, que também se encontram impedidos de realizar as caminhadas e os exercícios determinados pelos médicos. Também ignoro a data na qual os reparos necessários serão realizados. Como o reparo do elevador e da infiltração são obras necessárias e urgentes, caso a Formacco continue a ignorar o problema, serei obrigado a procurar, ainda nesta semana, outra empresa com gabarito capaz reparar os danos e defeitos de construção existentes, logicamente com os custos repassados à Formacco.
Além outros reparos prometidos e não cumpridos, incluo minha churrasqueira que também está sendo inundada por água da chuva.
AFINAL ESTE É O PADRÃO FORMACCO?
Renato dos Santos Mello proprietário do apto. 303, bloco D, Condomínio Porto Venere.

Renato dos Santos Mello

No início de 2014, adquiri da Formacco Cezarium
Engenharia/construção um apartamento novo de cobertura, situado no condomínio Porto Venere (apto. 303 Bloco D). Como tenho problemas de saúde e idade avançada (75 anos), por orientação médica estou impedido de utilizar as escadas para acessar meu apartamento. Deste modo, dependo do único elevador do prédio, de marca OTIS para acessar meu apartamento. Há menos de 10 dias o citado elevador, mais uma vez, parou de funcionar. Como conseqüência eu fiquei cinco (5) dias prisioneiro em meu próprio apartamento, impedido de sair para comprar alimentos e alguns dos medicamentos de uso contínuo que necessito. De acordo com empresa que faz manutenção dos elevadores (a própria Otis), a pane foi resultante de uma infiltração oriunda de defeitos de construção, cuja responsabilidade é da Construtora FORMACCO Cezarium. Após a troca das peças danificadas o elevador voltou a funcionar. Esclareço que telefonei para o senhor Guilherme da Formacco e relatei o problema. Este me afirmou que o responsável pelo dano era o condomínio, pois não cerrava as portinholas situadas no telhado acima do elevador. Entretanto os fatos descritos a seguir mostram claramente que o senhor Guilherme não tem, e nem se preocupou em tomar conhecimento real dos problemas.
Ontem, dia 13 de fevereiro, após as fortes chuvas, o elevador parou novamente de funcionar. Hoje pela manhã, dia 14 de fevereiro, técnicos da OTIS examinaram mais uma vez o nosso elevador e verificaram que a máquina encontrava-se totalmente encharcada pela água da chuva, que infiltrava devido a erros na construção realizados pela Formacco Cezarium Engenharia/construção. Um funcionário da citada construtora, senhor Flávio, que se encontrava presente na ocasião não informou quando o defeito seria sanado. Apenas afirmou, na frente de várias testemunhas, que eu poderia mudar, temporariamente, para um hotel, pois a FORMACCO arcaria com as despesas. No entanto, no final da mesma tarde, fui informado pela síndica, que o senhor Flávio havia retirado a autorização.
Desta forma me encontro em cárcere privado, pois não tenho condições de sair, e principalmente voltar ao meu apartamento utilizando as escadas. Além do mais, estou hospedando um casal de idosos (84 anos) portadores de problemas coronarianos, que também se encontram impedidos de realizar as caminhadas e os exercícios determinados pelos médicos. Também ignoro a data na qual os reparos necessários serão realizados. Como o reparo do elevador e da infiltração são obras necessárias e urgentes, caso a Formacco continue a ignorar o problema, serei obrigado a procurar, ainda nesta semana, outra empresa com gabarito capaz reparar os danos e defeitos de construção existentes, logicamente com os custos repassados à Formacco.
Além outros reparos prometidos e não cumpridos, incluo minha churrasqueira que também está sendo inundada por água da chuva.
AFINAL ESTE É O PADRÃO FORMACCO?
Renato dos Santos Mello proprietário do apto. 303, bloco D, Condomínio Porto Venere.

Escreva uma opinião sobre Formacco Cezarium Edificações

Categorias

Construção Civil